Ucrânia e Rússia: Como falar de guerra com as crianças?

Conflitos entre Ucrânia e Rússia trazem dúvidas sobre como acolher os sentimentos das crianças e lidar com suas dúvidas no período.

Os conflitos entre Ucrânia e Rússia tomaram os noticiários e as crianças não ficam isentas de serem expostas aos factos, na TV ou na internet. O caos e a violência da guerra geram dúvidas sobre o porquê das coisas acontecerem e é preciso que adultos saibam como conduzir essa conversa.

Há assuntos que um pai ou uma mãe preferia não ter de abordar nunca com os seus filhos. Embora a tentação natural possa ser proteger a criança da informação difícil que circula, esta percorre diversos canais que estão acessíveis aos mais novos. Nesse sentido, a vontade de privar as crianças de certas notícias é praticamente impossível de concretizar. O tema é muito sensível, mas é uma oportunidade de explorar valores familiares e individuais que partilham e que procuram ter presente nas vossas vidas e relações e uma oportunidade de explorar formas construtivas de resolução de conflitos. A informação sobre a guerra que se iniciou acabará por chegar às crianças e é junto dos pais que irão procurar encontrar respostas para as suas dúvidas e receios e serão justamente os pais as melhores fontes de informação e de segurança.

Com intuito de orientar, a Ordem dos Psicólogos Portugueses elaborou um documento que ajuda a conversar sobre a guerra com as crianças e os jovens.

Deixe uma resposta

%d bloggers like this: